É necessário uma mulher viver com alguém para ser feliz?

É lamentável ainda existir esse pensamento vitoriano sobre o que é ser feliz e realizado como pessoa afirmando que felicidade é: Uma mulher ter um homem ao seu lado. É lamentável ter que conviver ainda com o machismo mesmo na fala de mulheres dos dias atuais que seguem os preceitos impostos pela cultura do outro, sem nem mesmo fazer uma autocrítica sobre o que elas realmente podem sublimar de sua dor de “ter que pertencer a um outro”.
              É mais ignorante ainda ter que conviver com homens que não aceitam a independência financeira e emocional das mulheres, simplesmente porque elas descobriram a sua força e que podem viver a vida que elas quiserem. Ah! E você quer saber o motivo da não aceitação? É simples! Como ele vai amarrar essa mulher? Qual é o espaço que ele pode ter na vida dessa mulher tão deslumbrante que parece completa?
              Isso só demonstra a insegurança dos homens em não ter a facilidade frente a essas mulheres forte e capazes de gerir suas vidas. Para uma mulher atual, o que ela busca é muito mais mesmo porque elas querem um homem que seja másculo, não machista mas que saiba assumir a postura de homem companheiro, não aquele que está com ela desejando todas as outras.
              Será mesmo que devemos voltar à Era das Cavernas para acreditar que um mundo melhor é possível, que o bem-estar da mulher está atrelado a manter uma família, um parceiro do lado, mesmo que isso não seja o desejo dela? Como tem gente ainda infeliz se pensa assim e deste modo, como se constroem relacionamentos vazios de amor, mas cheios de “comprometimento com a causa da sociedade” porque as pessoas preferem não pensar por elas mesmas e preferem seguir imposições.
              É, é lamentável em pleno ano de 2018 uma mulher solteira, que banca suas contas e principalmente a sua própria maneira de ser ainda ter que ouvir petulâncias a respeito delas: Como pode uma mulher morar sozinha? Não pode ser considerada uma pessoa séria! Deve cair na farra a semana inteira! Deve ter um homem a cada noite em sua cama! Deve servir apenas como amante. Uma mulher assim como qualquer outra pessoa não pode ser feliz sozinha.
              Que falas da ordem do horror! Seria cômico se não fosse trágico ainda existir tantas generalizações sobre a vida! Já pensou que cada pessoa é única e que não podemos ditar regras a ninguém porque nem mesmo sabemos quais são as regras para ser feliz, sem falar que todo mundo sofre de infelicidade plena ao deixar de dar importância à sua própria vida e ficar muito centrado na vida de terceiros?
Não dá nem mesmo para afirmar que esse posicionamento é conservador porque não é! Já tivemos Simone de Beauvoir, Clarice Lispector entre outras mulheres maravilhosas que se sentiram plenas ao serem elas mesmas, ao dizerem o que pensam e se assumirem como realmente são. Então por que ainda tem tanta gente querendo jogar estupidez em cima de estupidez sobre as mulheres que se apoderam de si mesmas?
Ser mulher atual não é ser feminista, é apenas descobrir qual é o seu verdadeiro feminino. Não é sair por aí odiando homens, é apenas querer homens melhores do que os apresentados a ela até então. Ser mulher atual é ser uma mulher repleta de sonhos, alguns já realizados pelo simples ato de querer descobrir quem ela realmente é e o que ela realmente quer para a sua vida. Para as que são feministas também não deve existir críticas porque elas só desejam que o corpo e a vida da mulher sejam mais respeitados do que até o momento presente.
              Por que ainda se pensa que para cada mulher tem que haver um homem para ser seu dono? Amor é escravidão ou está mais próximo de viver em felicidade do lado de alguém que se escolhe viver?
              Não acredito que todas as mulheres são infelizes por estarem sozinhas. Sabe por quê? Porque assim como os homens, todos os seres humanos precisam passar por um momento de luto sobre o relacionamento anterior, refletir sobre seus comportamentos que foram bons e repensar numa maneira de agir melhor para que no próximo relacionamento haja melhor harmonia entre o casal.
              Também não se pode esquecer que não é pulando de galho em galho que se resolve uma vida amorosa. Não é status ter alguém do seu lado mesmo sem amor. Não se pode julgar ninguém, nem muito menos menosprezar ninguém, ainda mais se o outro é apenas um preconceituoso e nem mesmo teve a empatia de querer saber de verdade o que se passa na vida emocional das pessoas.
              E para quem quer ser leviano com seus relacionamentos? O que tem de errado nisso? Nada! Ninguém tem o direito de julgar ninguém por passar por uma fase ou viver a vida sendo leviano com os seus próprios sentimentos. A entrega verdadeira não é alcançada por todos muitos têm travas que nem têm consciência sobre elas. Mas buscar entender os motivos pelos quais as pessoas não conseguem se entregar de verdade nos torna mais humanos porque nos permitimos enxergar que não há perfeição alguma em nenhuma pessoa, nem em nós mesmos.
              Tentar impor comportamentos que você considera “adequados e perfeitinhos” a alguém é de péssima tirania: Ninguém consegue ser feliz realizando a vontade do outro, sabia? Isso é tiranismo puro, desrespeito total com a vida das pessoas, é uma crueldade que você recebeu e quer transmitir para o seu redor, para que você se sinta menos infeliz já que todos podem ser infelizes como você.
              Ser sujeito de sua própria vida requer de qualquer um de nós muitas atitudes para encarar a realidade que existe em nós e muitas pessoas ainda fraquejam tentando enganar o mundo satisfazendo a vontade dos outros... Empurrando para um fundo do poço seu verdadeiro ato de ser agente de sua própria vida.
              Para quem ainda está tentando agradar o mundo, lamento: Nunca agradamos a todos. Então, aproveite o curto tempo de vida que você tem e vá viver a sua vida do jeito que você realmente quer. Solte suas asas!
              Para quem ainda “acha” que pode reger a vida de alguém: Acorde, você com sua neurose não vai controlar o mundo porque ele é o que ele é e ponto. Radicalismo, tentativa de colocar o que tem na sua cabeça furada por imposições e transpô-las aos outros é uma tentativa de escravidão falha porque mulheres e homens hoje podem ser e fazer o que querem com suas próprias vidas. Ainda bem!

Quer continuar acompanhando meus artigos e saber mais sobre meus atendimentos? Acesse o meu site www.brunarafaele.com.br e se cadastre para receber as novidades. 

Comentários

  1. "Ser mulher atual não é ser feminista, é apenas descobrir qual é o seu verdadeiro feminino."
    Adorei essa frase.
    Acho que cada mulher tem seu caminho na vida. Algumas precisam andar de país em país, sem homem nenhum na sua vida, porque é isso que a faz vibrar. E não é por tanto que ela vai sentir falta de um homem.
    Acho que cada mulher encontrará nesse artigo uma frase que vai resonar na sua mente. Obrigada por isso Bruna!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Noémie!

      Que maravilha ler seu comentário! Fico muito feliz em saber que você pensa assim, que cada mulher tem que descobrir o seu caminho para se sentir feliz.

      Eu que te agradeço por acompanhar meus artigos!

      Grande abraço!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Intransigência, um grande mal para os relacionamentos

Por que você ainda se sente preso ao ex?

Quando a cabeça não pensa, o corpo padece mesmo!